Responder 
 
Avaliação do Tópico:
  • 1 Votos - 5 Média
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
Quando nossa mente é o problema...
Lis Offline
Member
***

Respostas: 59
Likes Given: 0
Likes Received: 54 in 46 posts
Registrado em: Oct 2012
Reputação: 78
Resposta: #1
Quando nossa mente é o problema...
Bom gente, não tenho mais vida graças as porcarias das estrias. Simples assim.
Tenho medo de me olhar no espelho, faço as rolagens com panos tampando os espelhos, tomo banho com as luzes apagadas, não consigo nem provar uma roupa nova em alguma loja pelo simples fato de me ver naquele espelho. Fico de 5 em 5 min olhando para meu corpo, como se por um milagre minha pele estivesse limpa de novo mas aí, toda vez que me vejo começo a chorar.
Não aguento mais chorar. Tenho muita fé em Deus e até campanhas já fiz pra me livrar dessas porcarias.
Meu sonho sempre foi ser modelo comercial. Já recebi uns 5 convites para isso, mas nunca compareço a nenhuma Agência por medo de ter que exibir meu corpo com essas malditas.
As estrias não são somente uma imperfeição na minha pele...elas tem roubado meus sonhos, tirado meu sono, me matado aos poucos.
Quase terminei com meu namorado ontem porque nem namorar estou conseguindo mais. A situação está muito complicada pra mim.
Morro de medo do meu namorado me achar feia, me largar por causa dessas listras...Ele nem imagina que sou forrada de estrias desde o bumbum até a canela ;/ Tenho até dó dele por ele estar com alguém como eu.
Fico triste quando saímos juntos ao shopping por exemplo, e tooooooodas as mulheres e garotas estão de shortinho, sainha, vestidinho exibindo aquelas pernas perfeitas (ou nem tanto assim, mas SEM estrias!) e eu de calças o tempo inteiro.
Meu, não aguento mais. To ficando louca gente. Isso tá me perturbando demais. Nem na facul consigo me concentrar.
Minha mãe não me aguenta mais. Ela quer me passar num psicólogo porque diz que isso não é normal e eu estou ficando doente.
Mas na verdade, acho que estou doente mesmo porque perdi minha vida há muito tempo. Tenho nojo de mim, me sinto inferior.
Eu só quero ser feliz. Poder olhar pra mim e não sentir nojo ou cair no desespero. Não quero perfeição. Só quero minha pele sadia novamente. Sem essas marcas horríveis que me atormentam a cada dia. Se pelo menos as das pernas (joelho, atrás do joelho e panturrilhas) fossem eliminadas de vez, já seria a mulher mais feliz do mundo.
Gente, alguém aí passou/passa por isso? como fizeram pra sair dessa? pra ficar bem novamente? Porque eu quero ficar bem, não aguento mais chorar todo santo dia e me odiar a cada segundo.
Preciso de ajuda.
03-11-2012 04:48
Encontrar todas as respostas deste usuário Like Post Citar esta mensagem em uma resposta
[-] The following 2 users Like Lis's post:
A1, Tatiana
A1 Offline
Exterminador de Estrias
*******

Respostas: 227
Likes Given: 296
Likes Received: 23 in 20 posts
Registrado em: Sep 2012
Reputação: 0
Resposta: #2
RE: Quando nossa mente é o problema...
Minha nossa, Lis, identifico-me 99,99% com a sua situação. As únicas diferenças são as de que não chorei quando elas surgiram, só muito tempo depois, e agora não choro mais. Jamais namorei desde que elas apareceram, até uma ex me encontrar pelo facebook. Foi só então que percebi o quanto minha vida é determinada por essas pragas. Obviamente o relacionamento não deu certo, porque eu simplesmente não conseguia contar a ela problema.

Estou há algumas semanas sem chorar, mas houve época em que a cada rolagem eu chorava uns 10 litros porque era obrigado a ver a minha pele.

Também me olho no espelho várias vezes por dia para ver se o tratamento está fazendo efeito.

Atualmente, para mim o primeiro desafio é seguir rigorosamente o tratamento. Para isso é preciso acreditar que ele vá funcionar. Várias pesquisas comprovaram que o cérebro não suporta informações contraditórias. Por exemplo:
a) não existe solução para as estrias
b) vou utilizar o dermaroller por 2 anos.

Essas duas proposições são incompatíveis. Se você acredita na primeira, o subsconsciente fará com que o tratamento seja abandonado, porque não há sentido em fazer um esforço grande para se obter nenhum resultado. Parece-me que, se estamos desesperados, não acreditamos que o problema possa ser resolvido, e dificilmente conseguiremos nos tratar.

Alguns livros estão gratuitamente disponíveis em Português na internet a esse respeito. Depois deixarei os links de alguns.

Vejo ainda outro problema. A área que percebemos como a pior das nossas vidas puxa todas as demais para baixo. Não há sentido em ser bem sucedido financeiramente ou em nos relacionarmos com boas pessoas se nos sentimos monstros indignos de sucesso e incapazes de fazer alguém feliz. Isso leva a que não nos relacionemos, ou nos relacionemos com pessoas ruins, toleremos abusos no trabalho, escola e etc.

Não tenho solução para isso, mas como lhe disse acredito na hipótese de que ela comece por se conseguir crer na possibilidade de eliminação das estrias. Quem verdadeiramente acredita que seja possível resolver um problema não se desespera e nem chora.

Muito obrigado pelo seu depoimento. Ele me dá forças para lutar. Posso lhe dizer que os membros superiores do meu lado esquerdo estão muito melhores que os do lado direito. Porém, ambos continuam monstruosos.

Conte comigo para o que precisar.
(Resposta editada pela última vez em: 03-11-2012 05:16 por A1.)
03-11-2012 05:12
Encontrar todas as respostas deste usuário Like Post Citar esta mensagem em uma resposta
[-] The following 1 user Likes A1's post:
Tatiana
A1 Offline
Exterminador de Estrias
*******

Respostas: 227
Likes Given: 296
Likes Received: 23 in 20 posts
Registrado em: Sep 2012
Reputação: 0
Resposta: #3
Video RE: Quando nossa mente é o problema...
Lis,

Abaixo você verá o resultado de 6 meses de rolagens (feitas com pouca frequência) aliada à manteiga de karité:




Imagine o que é possível se conseguirmos nos tratar com disciplina, persistência e inteligência.

Esse é o vídeo feito no início do tratamento:




Não desanimemos.
(Resposta editada pela última vez em: 03-11-2012 06:01 por A1.)
03-11-2012 05:54
Encontrar todas as respostas deste usuário Like Post Citar esta mensagem em uma resposta
A1 Offline
Exterminador de Estrias
*******

Respostas: 227
Likes Given: 296
Likes Received: 23 in 20 posts
Registrado em: Sep 2012
Reputação: 0
Resposta: #4
RE: Quando nossa mente é o problema...
Lis,

Se as suas estrias forem apenas listras com brilho, sem enrugamento e depressões, você pode experimentar algumas sessões de bronzeamento a jato. Seria uma solução temporária até o dermaroller fazer efeito, e custaria menos do que ir a um psicólogo.
04-11-2012 08:09
Encontrar todas as respostas deste usuário Like Post Citar esta mensagem em uma resposta
Lis Offline
Member
***

Respostas: 59
Likes Given: 0
Likes Received: 54 in 46 posts
Registrado em: Oct 2012
Reputação: 78
Resposta: #5
RE: Quando nossa mente é o problema...
A1 muito obrigada por toda ajuda viu? Pelo apoio, pelas informações, pelos vídeos enfim...
Só quem passa por essa situação sabe como é. As pessoas que nos veem sofrendo desse jeito acham que é frescura, exagero, uma vez que temos nosso corpo perfeito (com braços, pernas...).
As minhas são brancas, não as considero grossas mas acredito que tenha enrugamento sim :/ Então bronzeamento nem dá.
Hoje fiz algo incomum pra mim. Sai de vestido depois de muuuuuuuuuuuito tempo. Não sei como pude fazer isso porque morro de vergonha. Se fosse apenas algumas estrias...mas são muuuuuuuitas. Minhas pernas são finas e sou baixinha...aparentemente, não tinha nenhum motivo para desenvolver essas listras idiotas.
Foi bom ter usado o vestido porque me senti um pouco normal apesar de tudo. O ruim foi ter que me desviar de todas as pessoas que passavam com medo de repararem em mim. Ou seja, procurei o caminho inteiro andar na sombra porque passei a odiar o sol e muita luz (porque acabam sempre fazendo as estrias se destacarem...parece que elas brilham no sol, coisa horrível. Sem contar que as que estão nas laterais ficam com aspecto escuro. Mais horrível ainda) e andar longe de todas as pessoas!

Bom, não vou desistir apesar de não ter mais vontade de absolutamente nada.
Precisamos continuar até encontrar a solução para nosso problema.
Não sei no que eu, uma pessoa totalmente desesperada, poderia fazer por você...mas pode contar comigo também viu?
Obrigada por tudo mesmo!
(Resposta editada pela última vez em: 09-11-2012 07:34 por Lis.)
05-11-2012 04:36
Encontrar todas as respostas deste usuário Like Post Citar esta mensagem em uma resposta
[-] The following 1 user Likes Lis's post:
A1
A1 Offline
Exterminador de Estrias
*******

Respostas: 227
Likes Given: 296
Likes Received: 23 in 20 posts
Registrado em: Sep 2012
Reputação: 0
Resposta: #6
RE: Quando nossa mente é o problema...
(05-11-2012 04:36)Lis Escreveu:  A1 muito obrigada por toda ajuda viu? Pelo apoio, pelas informações, pelos vídeos enfim...
Só quem passa por essa situação sabe como é. As pessoas que nos veem sofrendo desse jeito acham que é frescura, exagero, uma vez que temos nosso corpo perfeito (com braços, pernas...).

Lis, de nada.

Quanto às pessoas que menosprezam nosso sofrimento, reparei que muitas delas são extremamente vaidosas: gastam em cremes, roupas, cirurgias plásticas e se tivessem 10% das estrias que temos, entrariam em desespero.

(05-11-2012 04:36)Lis Escreveu:  As minhas são brancas, não as considero grossas mas acredito que tenha enrugamento sim :/ Então bronzeamento nem dá.
Hoje fiz algo incomum pra mim. Sai de vestido depois de muuuuuuuuuuuito tempo. Não sei como pude fazer isso porque morro de vergonha. Se fosse apenas algumas estrias...mas são muuuuuuuitas. Minhas pernas são finas e sou baixinha...aparentemente, não tinha nenhum motivo para desenvolver essas listras idiotas.
Foi bom ter usado o vestido porque me senti um pouco normal apesar de tudo. O ruim foi ter que me desviar de todas as pessoas que passavam com medo de repararem em mim. Ou seja, procurei o caminho inteiro andar na sombra porque passei a odiar o sol e muita luz (porque acabam sempre fazendo as estrias se destacarem...parece que elas brilham no sol, coisa horrível. Sem contar que as que estão nas laterais ficam com aspecto escuro. Mais horrível ainda) e andar longe de todas as pessoas!
Lis, se você tiver dinheiro sobrando, experimente algumas sessões de bronzeamento a jato. Se consegue mostrar as estrias na rua, talvez elas não sejam tão graves a ponto de não ser possível disfarçá-las.


(05-11-2012 04:36)Lis Escreveu:  Bom, não vou desistir apesar de não ter mais vontade de absolutamente nada.
Precisamos continuar até encontrar a solução para nosso problema.
Não sei no que eu, uma pessoa totalmente desesperada, poderia fazer por você...mas pode contar comigo também viu?
Obrigada por tudo mesmo!

Veja mais alguns testemunhos de sucesso, Lis:

No texto primitivo da sua mensagem havia uma pergunta a respeito da comprovação da eficácia do dermaroller. Não há estudos científicos de longa duração sobre a eficiência dele em estrias. Os casos de sucesso completo geralmente envolvem estrias finas e superficiais, e a descrição do processo de desaparecimento é a mesma: primeiro elas se "quebram", ou seja, tornam-se descontínuas, e depois somem totalmente.
Em estrias largas, não é possível saber se isso também se repetirá, mas nós brasileiros temos a sorte de a Flávia Maia estar documentando o seu tratamento e haver comprovado o fechamento de várias delas. Outro fato animador é o de a minha dermatologista haver constatado ontem melhora visível, após apenas uma sessão nas estrias do peito e ombro.

Se tiver alguma dúvida, avise-me. Você pode ajudar a mim e a todos na minha situação elaborando um bom plano de tratamento, compatível com o seu orçamento, executando-o fielmente e compartilhando a sua experiência e dificuldades.

Grande abraço e não desista.
(Resposta editada pela última vez em: 10-11-2012 02:14 por A1.)
10-11-2012 02:08
Encontrar todas as respostas deste usuário Like Post Citar esta mensagem em uma resposta
Tatiana Offline
Member
***

Respostas: 78
Likes Given: 51
Likes Received: 41 in 38 posts
Registrado em: Oct 2012
Reputação: 60
Resposta: #7
RE: Quando nossa mente é o problema...
A1 mas essa melhora que ela viu, não é pelo fato de essa área já ter sido tratada com o laser de CO2?
21-11-2012 10:36
Encontrar todas as respostas deste usuário Like Post Citar esta mensagem em uma resposta
A1 Offline
Exterminador de Estrias
*******

Respostas: 227
Likes Given: 296
Likes Received: 23 in 20 posts
Registrado em: Sep 2012
Reputação: 0
Resposta: #8
RE: Quando nossa mente é o problema...
Tatiana, a qual dos testemunhos você se refere? Obrigado.
24-11-2012 10:58
Encontrar todas as respostas deste usuário Like Post Citar esta mensagem em uma resposta
Tatiana Offline
Member
***

Respostas: 78
Likes Given: 51
Likes Received: 41 in 38 posts
Registrado em: Oct 2012
Reputação: 60
Resposta: #9
RE: Quando nossa mente é o problema...
(24-11-2012 10:58)A1 Escreveu:  Tatiana, a qual dos testemunhos você se refere? Obrigado.

Quando você disse que a dermatologista ficou impressionada com o resultado das estrias do ombro, você não acha que foi por você ter feito aquela sessão de laser?
25-11-2012 01:05
Encontrar todas as respostas deste usuário Like Post Citar esta mensagem em uma resposta
[-] The following 1 user Likes Tatiana's post:
A1
Luiza Offline
Novato
**

Respostas: 2
Likes Given: 0
Likes Received: 2 in 2 posts
Registrado em: Oct 2012
Reputação: 2
Resposta: #10
RE: Quando nossa mente é o problema...
(03-11-2012 04:48)Lis Escreveu:  Bom gente, não tenho mais vida graças as porcarias das estrias. Simples assim.
Tenho medo de me olhar no espelho, faço as rolagens com panos tampando os espelhos, tomo banho com as luzes apagadas, não consigo nem provar uma roupa nova em alguma loja pelo simples fato de me ver naquele espelho. Fico de 5 em 5 min olhando para meu corpo, como se por um milagre minha pele estivesse limpa de novo mas aí, toda vez que me vejo começo a chorar.
Não aguento mais chorar. Tenho muita fé em Deus e até campanhas já fiz pra me livrar dessas porcarias.
Meu sonho sempre foi ser modelo comercial. Já recebi uns 5 convites para isso, mas nunca compareço a nenhuma Agência por medo de ter que exibir meu corpo com essas malditas.
As estrias não são somente uma imperfeição na minha pele...elas tem roubado meus sonhos, tirado meu sono, me matado aos poucos.
Quase terminei com meu namorado ontem porque nem namorar estou conseguindo mais. A situação está muito complicada pra mim.
Morro de medo do meu namorado me achar feia, me largar por causa dessas listras...Ele nem imagina que sou forrada de estrias desde o bumbum até a canela ;/ Tenho até dó dele por ele estar com alguém como eu.
Fico triste quando saímos juntos ao shopping por exemplo, e tooooooodas as mulheres e garotas estão de shortinho, sainha, vestidinho exibindo aquelas pernas perfeitas (ou nem tanto assim, mas SEM estrias!) e eu de calças o tempo inteiro.
Meu, não aguento mais. To ficando louca gente. Isso tá me perturbando demais. Nem na facul consigo me concentrar.
Minha mãe não me aguenta mais. Ela quer me passar num psicólogo porque diz que isso não é normal e eu estou ficando doente.
Mas na verdade, acho que estou doente mesmo porque perdi minha vida há muito tempo. Tenho nojo de mim, me sinto inferior.
Eu só quero ser feliz. Poder olhar pra mim e não sentir nojo ou cair no desespero. Não quero perfeição. Só quero minha pele sadia novamente. Sem essas marcas horríveis que me atormentam a cada dia. Se pelo menos as das pernas (joelho, atrás do joelho e panturrilhas) fossem eliminadas de vez, já seria a mulher mais feliz do mundo.
Gente, alguém aí passou/passa por isso? como fizeram pra sair dessa? pra ficar bem novamente? Porque eu quero ficar bem, não aguento mais chorar todo santo dia e me odiar a cada segundo.
Preciso de ajuda.


Nossa, me identidiquei muito com sua história. Triste isso. Tb tenho estrias na batata da perna, é horrível sair com as amigas, todo mundo de shortinho e vc de calça. Acho que ainda mais quando se tem um corpo bonito, quando se é bonita que parece ser o teu caso. Ultimamente resolvi chutar o balde, estou de namorado novo, ele é lindo, só viu minhas estrias um tempo depois q já estava apaixonado, agora ele nem liga, mas acho que se tivesse reparado antes, não teria me dado bola. Tive outro namoro de 6 anos onde ele nem se importava, é claro que a gente sabe que o bumbum todo riscado não é bonito, a panturrilha então, isso me mata!! Mas nunca impediu os homens de se aproximarem. Eu me sinto horrível, as pessoas olham, devem pensar coisas, evito ir na frente qd estou de shortinho (as vzs me arrisco colocar as pernas de fora de dia). Tenho uma dica, à noite, vc pode usar saia e short à vontade, eu uso uma base da Renew Avon, consegui bem proximo do tom da minha pele, nem dá pra perceber que tenho estrias na panturrilha, uso e abuso e carrego na bolsa pra retocar, experimente, vale a pena. Pelo menos a noite vc pode usar roupas curtas! De dia, me arrisco às vzes e me sinto um monstro. Quero viajar no carnaval para a Bahia e tô imaginando como vai ser desfilar de shortinho e todo mundo me olhando, meu namorado todo lindo andando comigo... Sad Parece castigo!
10-12-2012 01:56
Encontrar todas as respostas deste usuário Like Post Citar esta mensagem em uma resposta
[-] The following 1 user Likes Luiza's post:
A1
Responder 


Ir ao Fórum:


Usuários visualizando este tópico: 1 Visitantes